ketelynemdubai

Amigos, esse blog é para contar um pouquinho da minha (nossa, na verdade, Re e minha) nova experiencia para vcs !

Friday Brunch … um evento com cara de Dubai !! 12/12/2012

Brunch é uma refeição de origem Britânica que combina o café da manhã (breakfast em inglês) com o almoço (lunch em inglês). Em vários lugares do mundo, é normalmente realizada aos domingos, feriados ou datas comemorativas, quando toda a família se reúne por tempo indeterminado em torno da mesa. Mas aqui em Dubai é uma tradição que acontece todas as sextas feiras (que na verdade é o nosso domingo, visto que trabalhamos de domingo a quinta aqui) e acontece nos melhores hoteis da cidade, no estilo Dubai de ser (sim, o estilo Dubai de ser quer dizer: muito brilho, muita ostentação, muita fartura e praticamente um desfile de roupas e carros …inshalla !!!)
Aqui tem brunches para todos os bolsos e gostos, mas claro, eu vou comentar dos que eu já fui e geralmente vamos nos mais badalados, afinal, os brunches aqui em Dubai são um evento onde a comida é uma mera parte! Minha meta é conhecer todos os principais até irmos embora daqui … e como comer nunca foi um problema pra mim ou pro Re, estamos firmes e fortes em busca da meta!

Geralmente funciona assim: começa umas 12:00 e vai até umas 16/17hs … tem brunch que começa antes e tem brunch que emenda em balada e vai até as 8 da noite ! Mas basicamente são eventos com muita (mas pensa em muitaaaa comida … um buffet do Jardineira é tipo 1/10  do que é o buffet de um brunch), com fartura de frutos do mar (normalmente muita lagosta e camarões gigantes), bebida alcoólica ilimitada (de cerveja a champagne, passando por vinhos e coquetéis preparados pelos bartenders), música ao vivo (ou banda, ou DJ, ou os dois, rs), um buffet imenso de sobremesas e algumas atrações extras, que ai depende do lugar.
Claro, como eu disse, tem mtos tipos … tem restaurantes mais refinados, como por exemplo o do Burj al Arab que o foco é na qualidade da comida e da bebida (então claro que as champagnes são das mais refinadas), e a música ambiente fica por conta de uma pianista ou um violinista. Já tem outros, como por exemplo os dois maiores e mais premiados de Dubai, do hotel Westin e do hotel Al Qasar, que o foco é no maior evento possível. Ainda tem os brunches com cardápio especifico, por exemplo no Nobu (um dos mais prestigiados restaurantes japoneses do mundo, com sede em NY), que serve vários courses dos principais pratos do cardápio deles + bebidas ilimitadas, que além das básicas que eu já comentei, tem drinks com saque e cerveja japonesa.

A ideia geral é a mesma … vc morre de comer e beber, geralmente com a galera ou com a família … para os mais animados, tem muitas baladas que começam logo depois do brunch e vao até a noite … para os demais, volta-se rolando pra casa e só se pensa em comida no dia seguinte, rs …
Ah, o preço também varia bastante, mas a média é de uns R$ 300,00 – R$ 350,00 por pessoa, com Moet Chandon a vontade ! Também tem pacotes sem bebida alcoólica que geralmente é uns R$ 100,00 mais barato, mas pela quantidade, qualidade e variedade de comidas vale muito a pena.

É dificil mostrar a real dimensão através de fotos, mas seguem algumas, pra vcs terem uma ideia:

Buffet com muitos tipos de sobremesas, todas em miniatura, para vc conseguir provar várias opções ! (Westin Dubai)

Buffet com muitos tipos de sobremesas, todas em miniatura, para vc conseguir provar várias opções ! (Westin Dubai)

Como fica o seu prato, uma combinação de tudo mais alguma coisa (Al Qasar)

Como fica o seu prato, uma combinação de tudo mais alguma coisa (Al Qasar)

Muitas ilhas com comidas típicas de vários lugares (Al Qasar)

Muitas ilhas com comidas típicas de vários lugares (Al Qasar)

Buffets que parecem labirintos (Al Qasar)

Buffets que parecem labirintos (Al Qasar)

Buffet de chocolates artesanais (Al Qasar)

Buffet de chocolates artesanais (Al Qasar)

Buffet de queijos e vinhos (Westin Dubai)

Buffet de queijos e vinhos (Westin Dubai)

Os chefs repõem as comidas o tempo todo (Westin Dubai)

Os chefs repõem as comidas o tempo todo (Westin Dubai)

Das sobremesas mais "gordas" as frutas mais exóticas, tem pra todos os gostos (Al Qasar)

Das sobremesas mais “gordas” as frutas mais exóticas, tem pra todos os gostos (Al Qasar)

Frutos do mar de todos os tipos, vc escolhe fresco e eles fazem na hora (Westin Dubai)

Frutos do mar de todos os tipos, vc escolhe fresco e eles fazem na hora (Westin Dubai)

Muita comida japonesa também (Al Qasar)

Muita comida japonesa também (Al Qasar)

Al Qasar hotel ... a vista dos brunches também são sempre especiais

Al Qasar hotel … a vista dos brunches também são sempre especiais

Carnes preparadas para qq gaucho não colocar defeito (Ruth's Chris Steak House)

Carnes preparadas para qq gaucho não colocar defeito (Ruth’s Chris Steak House)

E muita bebida ... os garçons não deixam o copo ficar meio vazio, o que é um perigo para muitos

E muita bebida … os garçons não deixam o copo ficar meio vazio, o que é um perigo para muitos

Vista do Burj al Arab

Vista do Burj al Arab

Buffet no Burj al Arab

Buffet no Burj al Arab

Decoração no Burj al Arab

Decoração no Burj al Arab

Ao visitar Dubai, não se deve perder um desses eventos (importante reservar, já que alguns desses eventos lotam quase 1 semana antes) … aqui uma lista dos que eu fui e que mais gostei :

Burj al Arab, restaurante Al Muntaha – No 33 andar, o restaurante é todo de vidro e vc tem a vista da palmeira e da ilha do mundo. Comida excelente, apesar de pouca variedade (mas qdo eu digo pouca é pq estou comparando com outros brunches, comparado com buffets no Brasil, tem mta variedade, rs)
Westin Hotel, brunch Bubbalicious (que é a junçao de 3 restaurantes do hotel, um de frutos do mar, um de carnes e outro de comida tailandesa) – Um evento em grande estilo, muita comida e bebida, música ao vivo e linda vista. Quem quiser curtir a banda, curtir show de mágica, malabarismos e etc,  precisa reservar mesa no restaurante Blue Orange … quem não se importar com musica, qq restaurante do complexo tem sua beleza
Al Qasar, Madinat Jumeirah Souk – Hotel maravilhoso e o maior brunch de todos, com certeza vale muito a pena … perdi as contas de quantas “ilhas” de comida tem o lugar, que também é a junção de todos os restaurantes do hotel … tem de comida mexicana a tailandesa, e drinks divididos conforme o tipo da nacionalidade da comida
Ruth’s Chris Steak House (restaurante muito famoso em NY/USA) – esse brunch é bem diferente, e o foco é em carnes vermelhas … ao invés de um buffet gigante, eles trazem o menu do restaurante e por um preço fixo vc pode comer o que quiser, quantas vezes quiser, incluindo as entradas, pratos principais, sobremesas e bebidas. Uma dos melhores cortes de carne vermelha que já experimentamos em Dubai
Nobu: Comida japonesa da melhor qualidade, servida num restaurante de decoração impecável no hotel Atlantis, na palmeira. Recomendo super o black cod, o principal prato da casa (e que faz parte do menu do brunch)

Se vc estiver procurando por algo um pouco mais acessível onde o foco é a balada e não a comida, essa é uma ótima opção: Al Murooj Rotana hotel, onde o brunch acontece num pub, regado a muita, muita bebida, Djs e ótimas bandas ao vivo … um ótimo lugar pra curtir com a galera, fica em frente do Burj Khalifa e o Dubai Mall (downtown Dubai) e mesmo com bebida ilimitada, custa em torno de R$ 110,00. Ah, e é claro, a diversão é garantida porque lá pelas 4 da tarde o povo já está tão bebado, tão bebado, que metade cai na pista, as mulheres que foram de periguetes com salto de Lady Gaga começam a torcer os pés, mostrar a calcinha, pagar peitinho, tudo com muita classe !

 

Corinthians em Dubai !!!! 05/12/2012

Esse post é uma edição especial devido ao “evento” aqui ontem em Dubai … Pra quem é meu amigo no face, já viu boa parte das fotos, mas para os demais Corinthianos, segue um pouquinho do que foi a chegada do Corinthians em Dubai.
Um pouco diferente do que foi em São Paulo (mais de 15 mil torcedores para dizer boa sorte para o time), rs, aqui no aeroporto tinha umas 10 pessoas, kkk … até achavamos que ia ter umas 30, mas que nada … e na verdade a grande maioria eram turistas que pararam em Dubai e também estão rumo ao Japão … acho que moradores tinha um casal e a gente. Se bobear tinha uma familia árabe maior esperando um outro árabe que corinthianos esperando o time, kkk

Voo Corinthians Dubai

Voo chegando (não achou? rs … é o EK 262, chegou 9:55 da noite)

Tumulto no aeroporto de Dubai, kkkk

Tumulto no aeroporto de Dubai, kkkk

A equipe saiu toda junta, pela saída principal, sem nenhum tumulto e apesar de alguns jogadores estarem com cara de bem cansados e um pouco mal humorados, quase todos assinaram a nossa camiseta … Ok que a grávida apelou pedindo assinaturas para o bebe, rs, mas mesmo assim.

Chegada da equipe do Corinthians

Chegada em Dubai da equipe do Corinthians

Jogadores

Jogadores

Tietagem

Tietagem

Equipe do Corinthians na chegada do Aeroporto de Dubai

Equipe do Corinthians na chegada do Aeroporto de Dubai

Mas valeu super a pena estar lá por duas pessoas: Tite e Emerson Sheik. Os dois foram super simpáticos ! O Tite um amor, cara simples, abraçou a torcida, tirou foto, assinou tudo, no maior bom humor e sorridente mesmo depois de 15 horas de voo. Ele assinou minha camiseta na barriga, desejou boa sorte pro bebê e contou que filhos eram as melhores coisas da vida … tá ai um cara que você vê que faz por merecer chegar tão longe numa carreira.

Nós e o Tite

Nós e o Tite

Tite

Tite com o Re

E o Emerson Sheik foi um caso a parte … quando ele viu a barriga já assinou a camiseta todo feliz e quando ele perguntou onde morávamos e contamos que aqui, pronto, ele se sentiu nosso amigo, hahahaha … Ele contou do tempo que morou em Dubai, contou da casa dele na palmeira, falou dos treinos, do time que ele jogava aqui … contou dos filhos, da mulher quando estava grávida, perguntou o que fazíamos, quanto tempo estávamos aqui, e muito mais … contou também que ele gostou mto de morar aqui, mas que como a família ficou no Brasil depois de um tempo a saudades começou a apertar e ele quis voltar …
O Sheik de Dubai ( o original mesmo, não o Emerson, rs) adora esse jogador e ele é super querido por aqui … só pra vcs terem uma ideia, o Sheik deu uma casa pro Emerson morar na Palmeira … Só por curiosidade, o valor médio de uma casa no The Palm  é de 6 milhões de dólares (R$ 12 milhões) … entendeu o nível que ele é querido?

Sheik Emerson em Dubai

Kete com o “Kemerson” e o Sheik Emerson (piada interna … a familia e amigos mais próximos irao entender)

Emerson Sheik em Dubai

Re com o Sheik

Re conversando com o Emerson

Re batendo o maior papo com o Emerson no caminho até o onibus … grandes amigos, kkk

Onibus dos jogadores e comissão em Dubai

Onibus dos jogadores e comissão em Dubai


Achei engraçado o que lemos no site da globo, que o treinador não deixou eles dormirem o voo inteiro, para já irem acostumando com o fuso (o que explica tbem o mal humor de alguns qdo chegaram, hahahaha) …

No final acompanhamos a ida deles para o hotel, eles ficaram no Hyatt perto do aeroporto…

Hotel Hyatt - onde o time do Corinthians ficou em Dubai

Hotel Hyatt – onde o time do Corinthians ficou em Dubai

Fomos com a capota aberta do carro, acenando pra eles e eles acenando de volta … deve ter sido engraçado pra eles no dia anterior ter 15 mil loucos gritando e ontem dois num carro conversível dando um tchauzinho civilizado … é, isso é Dubai !

No aeroporto também conhecemos algumas pessoas daqui que estavam organizando o dia dos atletas e soubemos que essa será a programação:

1) Pela manhã, Dubai Mall (aquele que é o maior shopping do mundo)

Time do Corinthians no Dubai Mall

Foto deles no Dubai Mall (copiada do facebook um amigo que estava lá, afinal eu tava trabalhando, rs)

2) A tarde, Corinthians faz um treino no CT do Al Nassr, às 15h do horário local por 1 hora

Estadio do treino do Corinthians em Dubai - Al Nasr

Estadio do treino do Corinthians em Dubai – Al Nasr

3) Depois eles seguem para o passeio no deserto, que na minha opinião, é um dos melhores passeios daqui (já escrevi varios posts sobre esse passeio) e eu acho que eles devem jantar por lá

Deserto Dubai

Não tenho eles no deserto, então segue uma foto minha mesmo no deserto, kkkk

4) Lá pela 1 da manhã eles devem ir para o aeroporto, onde embarcam, novamente de Emirates pro Japão no voo das 2:55 da manhã daqui

Bom, a familia Corinthiana de cá deu o seu apoio, o pequeno bebe fez os seus gols na minha barriga (com direito a chutes no estomago e na costela) e mesmo sendo um bando de louco de só 3 pessoas, passamos nossa energia positiva pra esse time … a gordinha aqui vai acompanhar de longe, mas o Re vai estar lá no Japão !

VAIIIII CORINTHIANS !!!!!!

VAIIIII CORINTHIANS !!!!!!

 

Fotoblog das ferias asiáticas 03/12/2012

Oie … pois é, eu já sei que faz tempo que eu não apareço por aqui, mas fall plan (nome do insano plano anual na IBM) + gravidez + férias pós plano fazem com que as prioridades mudem, kkk … Inclusive a prioridade do post … Já faz um tempão que eu quero escrever sobre Brunches, que é uma coisa super “típica” aqui de Dubai, mas mais uma vez eu vou postergar … não por falta de tempo dessa vez, mas porque amanhã eu vou em mais um e eu quero completar o post novidades mais fresquinhas …
Então hoje o post é sobre a minha outra função no blog: guia turística dos lugares perto de Dubai !
Como sempre, tentamos aproveitar que aqui é super fácil de voar para muitos lugares e resolvemos fazer um tour Asiático ! Ah sim, e as últimas férias antes do baby chegar (PS: estranha essa sensação que só temos mais uns 7/8 sábados no máximo sem ter um filho pra sempre!!)
Mas voltando a viagem, resolvemos conhecer a Malasia, Cingapura e também a Indonésia e já possa adiantar que são 3 lugares incríveis, apesar de muito diferentes.
Começamos por Kuala Lumpur, na Malasia … e para não ser um post gigante que vc vai dormir antes de chegar no final, eu vou tentar resumir bem … Em Kuala Lumpur achei o povo mto simpático, os preços bem ok, e de uma certa maneira a cidade lembrava um pouco Bangkok … mas não se tem mtooo o que fazer, então se o objetivo é conhecer rapidinho, 1 ou 2 dias já está de bom tamanho … Na minha opinião, esses são os pontos turísticos que não se pode perder:

 

Petronas Tower
Petronas Tower
Menara Tower

Menara Tower

Birds Parque

Birds Parque … é um parque “aberto”, protegido apenas por redes altas, onde os pássaros vooam livremente … bem legal o conceito!

Pintinhos nascendo no Birds Parque ... uma fofura !

Pintinhos nascendo no Birds Parque … uma fofura !

Kuala Lumpur tem bons centros para compras

Kuala Lumpur tem bons centros para compras (mas mesmo com preços bem bons, Dubai ainda tem coisa mais barata)

De lá partimos pra Cingapura, que é bem pertinho … o voo é 1 hora, nem isso, mas de ônibus ou trem levaria acima de 5 e vamos combinar que uma gravida de quase 8 meses não tinha tempo a perder, rs. Cingapura é linda, super ultra moderna e lembra em vários aspectos Dubai … claro, uma beleza super construida como a daqui, mas não por isso menos interessante … uns 3 dias bem corridos dá pra conhecer tudo mas prepare o bolso porque eu achei as coisas bemmm caras por lá … Nós ficamos hospedados no hotel mais famoso de lá, que tem uma piscina infinita no 55o andar … o hotel é incrível, a vista do quarto sensacional, mas o diferencial mesmo é a piscina e a localização. O que não se pode perder por lá:

Piscina Infinita no hotel Marina Bays

Piscina Infinita no hotel Marina Bays … INCRIVEL !

Gardens by the bay

Vista da varanda do nosso quarto … Gardens by the bay

Vista da cidade a noite

Vista da cidade a noite, de dentro do hotel

Vista da varanda a noite

Vista da varanda a noite

A cidade vista da frente do hotel

A cidade vista da frente do hotel

Roda gigante

Roda gigante … a maior do mundo (ganhou da de Londres inclusive)

La dentro da roda gigante

Lá dentro da roda gigante

Pra fechar, mais uma fotinho da vista da infinit pool

Pra fechar, mais uma fotinho da vista da infinit pool

Marina Bay

Marina Bay

Sentosa Island

Universal em Sentosa Island

Far Far Away :)

Far Far Away 🙂

Atração do Madagascar

Atração do Madagascar

Alguns comentários sobre a vida em Cingapura: Os apartamentos são extremamente caros … num bairro normal/simples, apartamentos de 2 dormitórios começando no valor de US$ 1 milhão. Para os locais o governo criou umas áreas especiais onde tem apartamentos populares que custam a partir de 300 mil dólares (eu ia fazer uma piadinha que é o projeto Cingapura em Cingapura, mas achei a piadinha bem fraca, rs).
O imposto sobre carros, tipo IPVA, é super caro, em torno de 10% do valor do carro do ano, então mta gente usa o transporte público.

E antes que vcs pensem que isso virou um fotoblog, segue só mais alguns comentários das últimas paradas Bali e Jacarta na Indonésia.

Bom, Bali é incrivel … tem um clima mto legal, bem do estilo de Phuket na Tailandia que eu adorei. As praias são ok, mas nada de outro mundo (ainda acho Phi Phi Island na Tailândia e várias no Caribe mais bonitas) mas o estilo praiano, misturado com templos balinesios, tudo mto diferente. Sem contar que ficamos num resort show, com massagem e água de coco todo dia, o que ajuda bastante, hahahaha

Caminho pra praia

Caminho pra praia de Nusa Dua (Onde ficava nosso hotel)

Barrigão em Nusa Dua Beach

Barrigão em Nusa Dua Beach

Dreamland beach

Dreamland beach

Praia do filme "Comer, Rezar e Amar"

Praia do filme “Comer, Rezar e Amar”

Caminho pra chegar na praia

Caminho pra chegar na praia

Barrigão na praia do filme

Barrigão na praia do filme

Por do sol incrível em Uluwatu (Sul de Bali)

Por do sol incrível em Uluwatu (Sul de Bali)

Templos e por do sol Uluwatu

Templos e por do sol Uluwatu

Jantar de frutos do mar na praia (Jimbaram, Bali)

Jantar de frutos do mar na praia (Jimbaram, Bali) … Super romantico, com músicas típicas, super recomendo !

Um fato interessante, a Indonésia é o pais com a maior população muçulmana do mundo, com 203 milhões (88% da populacao total). Pra vcs verem que homem bomba não tem nada a ver com a religião e sim com a idiotice de certos povos …

E pra fechar, passamos bem rapidinho por Jacarta … que eu vou confessar que de bom mesmo só tinha o hotel, rs … é uma cidade grande (e eu adoro conhecer as capitais dos países) mas não tinha nada de especial além de shopping e transito, rs …

Ahhh, mas teve um ponto engraçado … nós fomos almoçar numa Hard Rock Cafe … e numa mesa perto da nossa tinha uma senhora, uma moça mais nova e um rapaz … eles pediram os pratos, comeram um tanto e notei que sobrou um pouco em cada prato … sem hesitar, a senhora sacou da bolsa um papel alumínio todo amassado (e eu com cara de uê) e abriu o papel na mesa, até ficar esticadinho (sim, nessa hora eu parei de comer pra reparar na vida alheia) e simplesmente começo a tacar tudo que tinha nos pratos dentro desse papel alumínio … dos 3 pratos, tudo junto, com molho e tudo, o que claro, virou algo que parecia uma lavagem … ai ela dobrou as pontas, colocou num saco plásticos e enfiou na bolsa …
Ok ok, que não precisa desperdiçar comida, mas meio que nojento essa ideia de “to go” deles né?